terça-feira, 12 de janeiro de 2010

O Parto - Parte I

E tudo começou assim...andava eu aqui por casa a ajudar o gajo a compor umas coisitas quando senti o género de um xixi a correr..."ai que carago, estou com incontinência, ou então a Raquel está a fazer pressão sobre a bexiga...", fui á casa de banho mudei-me e continuei na boa...fui a casa da minha mãe...de repente começaram umas cólicas..."epá, devo estar mal dos intestinos, que cólicas esquesitas, comi algo que me fez mal"...e com isto eram 18h do dia 26 de Dezembro.
Fui para casa, tomei banhinho e deitei-me no sofá a descansar...já ñ me apetecia jantar, sentia-me enjoada, mas lá comi uma sopinha...recebemos a visita de uns casais amigos, e eu sempre na minha, ou seja, estaria a perder uns xixis e mal dos intestinos LOL!
Quando os amigos se foram, comentei com o Zé..."se calhar é melhor ir á maternidade, porque talvez não vá dormir em condições com estes sintomas..." e sim, naquela noite, pela 1h da manha eu senti que estava para breve, estaríamos a horas de ver a nossa menina. E assim foi, cheguei á urgência, e comentei os meus sintomas...a Srª Enfermeira ria-se;) e eu:..." ai Srª Enfermeira que está a chegar a hora e eu sou tão medricas, e não me dou nada bem com a dor..." a médica faz-me o toque e diz: ..." olhe que para quem não se dá bem com a dor, já aqui tem 3 a 4 cm de dilatação, e plos vistos está aí mto bem..."
Era aquele o dia que ela viria ao mundo...o dia 27 de Dezembro...eu e o Zé fomos conduzidos ao quarto onde iria decorrer o trabalho de parto (queria manter-me sempre calma, apesar de...), mal vi o enfermeiro a por os apetrechos pedi logo logo que queria epidural, não fosse o tempo passar e eu ficasse ali a penar;) Levei a epidural ás 4h da manha...longa espera até ás 8h, quando entra a nova equipa (entre eles todos a minha querida enfermeira, um anjo que esteve smp do meu lado)...4 médicos...toques e mais toques...conversas e conversinhas entre eles...passava-se alguma coisa. O Zé já sabia, mas eu ñ sabia o que estava a passar...lá entra uma Srª médica, bruta que nem uma porta, mas boa profissional, que explicou que o bebe não descia e o porquê. Ás 11h da manha lá vai a Liliana para o bloco, fazer uma cesariana...ou seja, 10 horas em trabalho de parto para nada...chorei, chorei, chorei até a anestesia fazer efeito:(
Mas que sensação quando acordei e pensei que já não tinha a Raquel dentro de mim, ela já tinha vindo ao mundo, que o Pai dela já a teria conhecido, ai que ansiedade...e assim ás 14h daquele dia lindo conheci a minha Menina Linda, o meu Amor Pequenino, que estava cheia de fominha!
Volto para contar o resto da experiência daqueles primeiros dias!

8 comentários:

Mónica disse...

Um Beijinho Fôfô!!!

Caracol Azul disse...

Que Linda descrição. Fez me relembrar o parto da minha pimpolha mais velha que tambem deu em cesariana ao fim de horas com dores, mas a unica diferença foi que tive uma anestesia em que fiquei acordada durante a cesariana e pude assistir a tudo na mesma. Mas o importante é que tudo correu bem e que tenhes a tua princesa nos braços.
Fico à espera da 2ª parte...

Beijocas

Liana disse...

Ai Amiga, até estou arrepiada.
Eu nem me atrevo a contar o meu LOLOL (talvez quando a Matilde fizer 1 ano) :D

Beijos nos meus 3

Anónimo disse...

Olha comigo tambem foi +- assim, 12h de trabalho de parto doloroso porque a epidural nao me fez efeito, mas eu nao estava assustada nem chorei nem nunca gritei, so queria passar aquilo tudo e ter a minha bebecas ao colo, estava tao feliz por finalmente ir conhecer a minha filha, o pior é que a epidural me parou a dilatação e por isso tb tive que ir à "faca", mas a mim nao deram anestesia geral. Queria tanto um parto normal e nao o tive...paciência, e agora acho que ja nem era capaz (medricas!)
Mts felicidades!

bjokas
**mimi**

Ana Costa disse...

Fico feliz por vocÊs!

A Raquel realmente é linda! Parabéns!

Estou desejosa que chegue o nosso momento ... está quase...

Beijocas

SoNhAdOrA disse...

Experiencia mais linda...

Bjinhos grandes

Hasta

quica disse...

Grande MULHER! As ansiosas andam a ganhar aos pontos as medricas que choram e gritam e que durante toda a vida se fazem de fortes. LOL!

Beijão

(em Março vou conhecer a Raquelinha ihihihih)

Alexandra e Pedro disse...

De facto é pena teres ido para cesareana...mas prontop o que importa é que tudo corrreu bem e a pipocas está cá fora a fazer as delícias dos papás!
È ou não o momento mais fantástico de sempre?

Felicidade

Felicidade